DIA DOS PAIS

PARÓQUIA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

ÁGUAS, BELA VISTA, CARIRU, CASTELO, VILA IPANEMA - IPATINGA / MG.

O Padroeiro: Sagrado Coração de Jesus

 

 

 

 

A idéia de se celebrar especial e dignamente o dia dos pais nasceu em Harry Meek, USA, pelo presidente do Lions Club de Chicago. 

O dia dos pais é um momento e ocasião para que todos nós percebamos a grandeza do significado de ser pai. Na verdade, todos os dias são dia de gratidão, de amor, de admiração e de respeito pelo pai.

Na gestação de uma criança, pai e mãe, ficam na expectativa, sonhando seu futuro, imaginando como será esse dom de Deus para a família e para o mundo. Os filhos são carne e sangue dos pais. Os filhos são gerados, amamentados, apoiados e vão se libertando, crescendo e tomando consciência de sua missão neste mundo que é dar continuidade aos valores recebidos em casa: respeito, amor, equidade, honestidade, e responsabilidade. Aliás, teríamos um mundo muito mais feliz se toda a humanidade adotasse a família como o centro de educação ética, moral, religiosa, patriótica e humanitária.

O pai é um colaborador da criação divina, prolongando a obra de Deus, fonte suprema do amor, “de quem recebe o nome toda a família, no céu e na terra" – (Efésios 3,15).

O pai de família supõe a mãe e os filhos. A família é um núcleo apoiado na sacralidade, no respeito, no projeto de educação e de preparação para se viver na sociedade, participando nos estudos, na formação profissional e ética, para o bem comum.

A família, pai/mãe/filhos é a ordem natural da criação de todo o universo. Os pais unidos geram, formam, dão equilíbrio emocional e garantem a sobrevivência de seus filhos.

Deus criou homens e mulheres para constituírem uma família feliz, para se realizarem como pessoas inteligentes, livres, sadias e co-responsáveis na continuação da obra divina, gerando novas vidas conscientes em vista de sua missão e de sua auto realização e de sua salvação.

Por mais modernos que sejamos, a figura, o significado e a importância do Pai e da Mãe só crescem e se impõem como insubstituíveis, essenciais para a boa formação de qualquer filho.

Deus criou o universo e no centro pôs a humanidade. Deus criou porque ama. Assim também, os pais criam seus filhos porque os amam e os querem subindo e progredindo em todos os sentidos da vida.

Toda e qualquer educação exige a presença do pai e da mãe, de tal modo, que, ser pai e mãe é uma nobre missão para quem quer amar, doar-se, colocar-se à disposição, gastar tempo colaborando com a boa formação dos seus filhos.

Quando a família é fundada no amor maduro, fiel e exclusivo, abençoada por Deus pela sacralidade da família, os filhos que nela nascem, tenderão igualmente a dar continuidade aos valores fundamentais herdados dos pais para viver uma vida responsável, feliz e consciente. E assim, serão fortes, felizes e semeadores dos valores morais e éticos recebidos como um legado de seus pais.

A vida moderna agitada e cheia de atividades em locais e em cidades diferentes não dispensa os pais de dar presença, segurança, amor, bom exemplo, e diretiva para os seus filhos que não pediram para nascer.

Como não pode existir pai isoladamente, sem a mãe e os filhos, a homenagem ao pai é homenagem à família, fundamento de uma sociedade justa, fraterna, amorosa e feliz.

Parabéns à família em que o pai se torna um sacramento sagrado de amor, de vida, de fé e de esperança do grande e único Pai de todos nós.

Pe. Geraldo Ildeo – agosto 2017

HOMENAGEM AOS  PAIS